Em coletiva de imprensa realizada nesta quarta-feira (13) foi divulgado o balanço econômico de 2018 e as perspectivas da indústria brasileira de alimentos para 2019. O evento, promovido pela ABIA (Associação Brasileira da Indústria de Alimentos), contou com a participação de João Dornellas, presidente-executivo da associação; e Wilson Mello, presidente do Conselho Diretor.

Os números apresentados registraram que o setor teve um crescimento no faturamento da ordem de 2,08%, alcançando R$ 656 bilhões, somadas as exportações e as vendas para o mercado interno, o que representa 9,6% do PIB, de acordo com pesquisa conjuntural realizada pela ABIA.

“O setor de alimentos é o maior empregador dentro da indústria brasileira. Qualquer crescimento na indústria de alimentos é bastante significativo e a qualidade do emprego gerado é muito importante. Ano passado, houve aumento de 0,21% dos salários dentro da indústria da alimentação”, afirma João Dornellas, presidente executivo da ABIA.

“Estamos em um novo momento da ABIA. A associação carrega uma herança muito forte e sólida em mais de 55 anos de existência, e está antenada com o futuro e as novas tendências. Esse crescimento do setor representa também uma recuperação da economia brasileira e estamos otimistas com 2019”, ressalta Wilson Mello, presidente do Conselho Diretor da ABIA.

Veja também